• Início
  • Press
  • C6 Bank dá cashback de créditos de carbono para empresas que fizerem operações de câmbio

Leitura de 3 min

C6 Bank dá cashback de créditos de carbono para empresas que fizerem operações de câmbio

Para receber o cashback, as companhias precisarão realizar operações de câmbio com o C6 Bank que totalizem, no mínimo, US$ 25 milhões de janeiro a março

Atualizado em

Diversas árvores e seus topos para representar as iniciativas que deram certo de empresas sustentáveis

O C6 Bank lança na próxima semana uma campanha que vai facilitar a compensação de emissões de carbono de grandes empresas. De janeiro a março, o banco dará um cashback de créditos de carbono para clientes do segmento de atacado que realizarem operações de câmbio com o C6 Bank.

Neste período, empresas que operarem a partir de US$ 25 milhões em câmbio receberão créditos de carbono como cashback. Esses créditos poderão ser usados exclusivamente na neutralização das próprias emissões ou de companhias do mesmo grupo.

Relacionadas:

“Hoje, as companhias estão cada vez mais comprometidas com o inventário, redução e compensação de suas emissões. Com esse cashback, elas poderão compensar suas emissões de forma segura e em um projeto certificado e de qualidade”, afirma Leandro Tondin, diretor de câmbio e atacado do C6 Bank.

O cashback varia de 50 a 350 créditos de carbono, dependendo do volume das operações de câmbio realizadas. Para quem fizer US$ 25 milhões de câmbio, por exemplo, o cashback será de 50 créditos, o equivalente a 50 toneladas de CO²e (dióxido de carbono equivalente).

“Além de fortalecer nosso compromisso com a agenda ambiental, essa campanha ajuda a estimular o mercado de crédito de carbono, que é essencial na transição para uma economia de baixo carbono”, afirma Alexandra Pain, head de ESG do C6 Bank.

Créditos de Carbono

A geração de créditos de carbono para realização dessa campanha virá do Projeto REDD+ Manoa, eleito em 2023 o 2º melhor projeto de créditos de carbono do mundo (Runner-Up) pela Environmental Finance. O projeto é validado e verificado pelo principal padrão de certificação para projetos de carbono do mundo, a Verra (www.verra.org).

A responsável pelo desenvolvimento do projeto é a Biofílica Ambipar, empresa do Grupo Ambipar, eleita quatro vezes a melhor desenvolvedora de projetos de carbono florestal do mundo pela Environmental Finance. O Projeto REDD+ Manoa, que abrange uma área de mais de 74 mil hectares, está localizado no município de Cujubim, em Rondônia, e é o primeiro do Brasil a atender o padrão Sustainable Development Verified Impact Standard (SD VISta), contribuindo com 7 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU (Organização das Nações Unidas).

Ainda não está usando o C6 Bank? Baixe o app, abra sua conta digital, peça seu cartão sem anuidade (sujeito a análise) com a cor que quiser e aproveite um banco completo com tudo em um só app.

Este é um texto de divulgação para jornalistas. As informações sobre os produtos e serviços do C6 Bank referem-se às condições existentes na data da postagem deste texto. As regras e condições de cada produto e/ou serviço podem ser posteriormente alteradas. Consulte os termos vigentes no momento da contratação pelo app.