• Início
  • Seu Bolso
  • Planejamento de gastos com educação: descubra como organizar suas contas 

Leitura de 4 min

Planejamento de gastos com educação: descubra como organizar suas contas 

Os gastos com educação fazem parte da vida de muitas famílias brasileiras. Descubra como fazer um bom planejamento para acomodar estas despesas.

Atualizado em

Com a volta às aulas, pais e responsáveis passam a se preocupar com os gastos com educação, afinal, nesse período do ano, boa parte do orçamento familiar é voltado para esse campo. Contudo, com um bom planejamento financeiro é possível economizar sem precisar abrir mão de itens essenciais. Por esse motivo, o time do C6 Bank preparou um conteúdo completo para ajudar você nesse momento.  

Saiba como organizar os gastos com educação.

Abaixo, descubra quais serão os tópicos abordados no texto: 

  • A importância do planejamento financeiro familiar; 
  • Quais são os principais gastos com educação
  • Como planejar e organizar as despesas com educação? 
  • 1. Faça uma listagem de gastos; 
  • 2. Determine um orçamento para educação; 
  • 3. Atente-se ao reajuste da mensalidade escolar
  • 4. Evite comprar o material escolar em cima da hora; 
  • 5. Crie metas financeiras relacionadas à educação; 
  • Dedução de despesas com educação no imposto de renda. 

Aproveite para ler outros conteúdos sobre o tema que também podem ajudar: 

  1. Como fazer um planejamento financeiro familiar para 2024? 
  2. Viagem, carro ou casa: como definir suas metas financeiras? 

A importância do planejamento financeiro familiar 

O planejamento financeiro é o principal passo para garantir estabilidade monetária de uma família. Dessa forma, é possível organizar despesas e balancear os gastos a fim de que todos os integrantes possam alcançar metas e objetivos sem ficar no vermelho. 

Nesse sentido, os gastos com educação devem ser sempre um ponto de atenção, sobretudo no início de ano. Afinal, se trata de uma despesa essencial no orçamento de diversas famílias brasileiras. Abaixo, abordaremos o assunto de maneira simplificada para que você possa entender melhor.  

Quais são os principais gastos com educação? 

Com a voltas às aulas, as despesas voltadas para a educação, se tornam ainda mais evidentes. Isso porque, nesse momento, devem ser consideradas despesas como: 

  • Mensalidade da instituição de ensino; 
  • Taxa de matrícula
  • Uniforme
  • Transporte
  • Lista de materiais; 
  • Livros. 

Por esse motivo, montar um planejamento financeiro voltado para a educação pode fazer toda a diferença no seu orçamento., 

Como planejar e organizar as despesas com educação? 

Para ajudar nesse momento, separamos cinco dicas que ajudarão na hora de organizar as despesas com educação. 

1. Faça uma listagem de gastos 

Assim como em todo planejamento financeiro, listar os gastos é o primeiro passo para organizar as despesas voltadas para a educação. Nesse momento, é interessante montar uma planilha e inserir todos os gastos desse período. Dessa maneira, você tem mais controle sobre suas finanças e consegue realocar seu dinheiro para itens de mais necessidade.  

2. Determine um orçamento para educação 

Dentro do seu planejamento financeiro, é possível determinar uma certa quantia, de acordo com a sua realidade financeira, que será usada para educação. Com isso, você conseguirá atender todas as despesas sem ultrapassar o limite proposto no seu orçamento.  

3. Atente-se ao reajuste da mensalidade escolar 

Com o início das aulas, o reajuste da mensalidade escolar é uma das principais preocupações. Segundo estimativas do setor, no ano de 2024, as mensalidades aumentarão, em média, 9%. Por isso, ao montar sua lista de gastos, é importante considerar essas mudanças para não ser pego de surpresa.  

4. Evite comprar o material escolar em cima da hora 

É bem comum deixar para comprar o material escolar entre os meses de janeiro e fevereiro. Entretanto, se você quer economizar, comece a fazer uma pesquisa de preços no início do segundo semestre do ano. Assim, você pode aproveitar valores mais baixos, ofertas e melhores condições de pagamento. 

5. Crie metas financeiras relacionadas à educação 

Uma boa forma de acompanhar seus gastos com educação sem extrapolar o orçamento, é definir metas financeiras. Você pode separá-las em grupos de curto, médio e longo prazo. Em cada categoria, você pode colocar objetivos como curso de idiomas, tecnólogo, financiamento de uma faculdade ou comprar algum equipamento que servirá como ajuda nos estudos.  

Dedução de despesas com educação no imposto de renda 

Se você é estudante ou tem algum dependente matriculado em uma instituição de ensino básico ou superior, saiba que é possível abater algumas despesas e conseguir a devolução de parte do dinheiro usado para o pagamento de impostos ao longo do ano.  

Nesse sentido, os gastos que podem ser deduzidos são: 

  • Educação Infantil (creches e pré-escolas) 
  • Ensino Fundamental; 
  • Ensino Médio; 
  • Ensino Superior (cursos de graduação e pós-graduação). 

Vale lembrar que o limite restituível é de R$ 3.561,50 por ano.  

Agora que você já sabe como organizar os gastos com educação, não deixe de acompanhar o C6 Bank nas principais plataformas digitais. Oferecemos dezenas de conteúdos de planejamento e educação financeira para que você possa tirar todas as suas dúvidas sobre o assunto e usar seu dinheiro de maneira muito mais eficiente. 

Para mais conteúdos como esse, leia também: