• Início
  • Seu Bolso
  • Quer ir para a França? Saiba quanto custa, em média, uma viagem para Paris

Leitura de 9 min

Quer ir para a França? Saiba quanto custa, em média, uma viagem para Paris

Com o preço médio de passagens, hospedagem, alimentação e transporte fica muito mais fácil planejar sua viagem

Atualizado em

Vista da Torre Eiffel para simbolizar quanto custa uma viagem para Paris
Leia as dicas do C6 Bank para organizar os custos de uma viagem para Paris.

Sempre sonhou em conhecer a capital da França? O primeiro passo para realizar esse objetivo é entender quanto custa uma viagem para Paris. Mas, para isso, é preciso se organizar com antecedência.

Para garantir que o passeio para conhecer a Cidade Luz valerá a pena, é preciso considerar alguns fatores relacionados a gastos com acomodação, transporte, alimentação, atrações turísticas e mais. Porém, a boa notícia é que com um bom planejamento é possível curtir essa imersão na cultura europeia.

Para facilitar na hora de calcular quanto custa viajar para Paris, o C6 Bank preparou esse texto. Nele, você vai encontrar as respostas para as seguintes perguntas:

  • Quanto custa uma viagem para Paris – checklist
  • Quanto custa a passagem aérea para Paris?
  • Qual o valor da hospedagem em Paris?
  • Quanto custa um seguro viagem para Paris?
  • Gastos com restaurante e alimentação
  • Valor das atrações e passeios em Paris
  • Quanto separar para usar com transporte em Paris?
  • Despesas com visto
  • Como levar dinheiro para gastar na viagem?

Gostaria de ler outros posts relacionadas a viagens? Veja o que separamos para você:

Quanto custa uma viagem para Paris – checklist

Para descobrir quanto custa viajar para a França é preciso colocar no papel diversos fatores, como passagem aérea, estadia, transporte, alimentação e mais. Veja a seguir nossas dicas para facilitar a organização financeira.

1. Quanto custa a passagem aérea para Paris?

O custo da passagem aérea deve ser um dos primeiros a integrar a planilha da viagem. Isso porque ele será um gasto muito representativo. A dica é observar os sites das companhias aéreas com antecedência de alguns meses para comparar os preços e aproveitar as promoções.

Vista aérea da Champs Elysee para simbolizar o custo de uma passagem aérea para Paris
O custo da passagem aérea para Paris pode variar de acordo com a época da sua viagem.

Valor em baixa temporada

Viajar para Paris no inverno e fora de épocas festivas é uma boa alternativa para conseguir uma média de preços melhor nas passagens de avião. Caso opte por sair de São Paulo ou Rio de Janeiro, encontrará opções entre R$ 2.800 e R$ 3.300 na classe econômica.

Valor em alta temporada

O verão em Paris é considerado alta temporada pois é uma época que os turistas conseguem aproveitar mais a cidade e até mesmo ir a outros destinos na Europa. Justamente por isso, as passagens ficam mais caras, na média entra R$ 4.000 e R$ 5.000, também na classe econômica.

2. Qual o valor da hospedagem em Paris?

O segundo gasto que impacta no planejamento da sua viagem para Paris é o valor da hospedagem. Da mesma forma que as passagens de avião, ele varia de acordo com o período da estadia.

Os hotéis na cidade não costumam ser os mais em conta. Porém, fazendo reservas com antecedência será possível encontrar uma boa oferta.

Imagem aérea da entrada do Louvre para simbolizar o valor da hospedagem em Paris
O valor da hospedagem em Paris dependerá da localização e das características do hotel.

O valor dependerá também do estilo de hotel que você escolher. Um modelo mais econômico pode sair a partir de R$ 430 a diária, enquanto os mais modernos e confortáveis custam a partir de R$ 1.800. A localização também impacta diretamente no preço da estadia. Geralmente, quanto mais próximo das grandes atrações turísticas, mais caro.

3. Quanto custa um seguro viagem para Paris

O seguro viagem é obrigatório em Paris, pois a França faz parte do Tratado de Schengen. Ele é um acordo que permite a livre circulação de pessoas dentro dos países participantes na Europa, sem a necessidade de apresentação de passaportes nas fronteiras.

O custo desse seguro não é muito elevado, mas a boa notícia é que ele pode ser gratuito para quem tiver o cartão C6 Carbon Mastercard Black®. Ele tem anuidade de 12x de R$ 98, com isenção nos 3 primeiros meses. Porém, ele pode ter isenção nos seguintes casos:

  • Isenção de 100% para quem gasta a partir de R$ 8 mil/mês ou mais na fatura;
  • Isenção 100% para quem investe a partir de R$ 50 mil em produtos de renda fixa (LCA, LCI, LF, Compromissa ou CDBs) contratados exclusivamente pelo C6 Bank; 
  • Isenção 100% para quem investe R$ 1 milhão ou mais em quaisquer produtos no Brasil e/ou no exterior pelo app do C6 Bank.  

Dica: tente sempre contratar um seguro com uma cobertura maior que a mínima para cobrir qualquer assistência específica que possa precisar.

4. Gastos com restaurante e alimentação

Conhecer a famosa culinária francesa vai muito além de uma simples refeição. Porém, para não extrapolar nos gastos da viagem, é importante criar um equilíbrio entre comidas de restaurantes requintados e refeições comuns.

Imagem da frente de um café parisiense para simbolizar os gastos com a gastronomia
Leia a seguir uma média de preços para comer em Paris.

Veja a seguir quanto custará em média uma refeição, dependendo do local escolhido:

  • Restaurantes comuns: o preço médio varia entre € 20 e € 40, dependendo do prato que escolher e da bebida para acompanhar;
  • Restaurantes com estrela Michelin: se quiser conhecer a gastronomia francesa premiada, pode visitar o Le Cinq ou Epicure, por exemplo. Por lá, as refeições podem sair em uma média de € 80 (1 estrela) e € 220 (3 estrelas), sem incluir bebidas;
  • Comida de rua: em Paris é muito comum encontrar as tradicionais barraquinhas de crepe. Caso deseje experimentar a iguaria francesa, terá que desembolsar entre € 3 e € 5.  

5. Valor das atrações e passeios em Paris

Ao optar por visitar Paris, não dá para deixar de lado as atrações e passeios turísticos, como subir na Torre Eiffel, ver de perto o quadro da Monalisa, ou passear pelo rio Sena.

Veja a seguir a média de preços para os lugares mais requisitados pelos turistas:

  • Torre Eiffel: há diversas modalidades de ingresso (de elevador até o 2ºandar, elevador até o topo, escada até o 2ºandar e escada + elevador) que variam de acordo com a faixa etária. Para adultos, o preço mínimo é de € 17,10 para o passeio completo, enquanto para crianças (4 a 11 anos) é de € 4,30;
  • Museu do Louvre: no site oficial, os ingressos individuais estão por € 17. Caso deseje adquirir o tour guiado (com duração de 1h30min), poderá comprar os tickets por € 26;
  • Palácio de Versalhes: para conhecer o interior da residência real e seu imponente jardim, será preciso desembolsar a quantia de € 21,50, comprando de forma antecipada no site oficial;
  • Sainte-Chapelle: o ticket para conhecer a capela gótica parisiense está por € 11,50, também comprando antecipadamente no site oficial;
  • Panthéon: para visitar um dos primeiros monumentos da capital francesa, é preciso adquirir ingressos no site por € 11,50.

Estes são apenas alguns dos muitos passeios que você pode fazer. Vale lembrar que há muitas atrações que são gratuitas, como a famosa avenida Champs-Élysées e o bairro de Montmartre.

6. Quanto separar para usar com transporte em Paris?

Nada melhor que conhecer uma cidade através de suas ruas. Para isso, você pode utilizar o transporte público parisiense ou aplicativos de viagem para chegar onde quiser. A cidade tem ampla cobertura de transporte público. Veja a média de preços abaixo:

  • Bilhete individual de metrô: a partir de € 1,90;
  • Bilhete de metrô para uma semana: € 27,80;
  • Aplicativo de Uber: média de € 10, dependendo da distância;
  • Transporte público do aeroporto Charles de Gaulle: a partir de € 13;
  • Transporte público do aeroporto Orly: a partir de € 9,50.

7. Despesas com visto

A boa notícia para os brasileiros que escolheram Paris como uma das cidades para viajar é que não é preciso visto. Porém, para evitar problemas na imigração, é necessário ter seus documentos pessoais e o seguro viagem em mãos.

Como levar dinheiro para gastar na viagem?

O jeito mais seguro de levar euros para gastar na capital da França é com a C6 Conta Global. No mesmo aplicativo que você administra a sua conta brasileira, você poderá comprar euro e fazer transferências internacionais. Além disso, também terá um cartão de débito para saques em moeda local e compras em lojas físicas.

Dentre as principais vantagens da conta do C6 Bank que só têm a agregar na sua viagem para Paris estão:

  • Tarifas mais baixas e cotação comercial;
  • Remessas disponíveis 24 horas;
  • Cartão virtual para compras on-line;
  • Transferências entre C6 Conta Global e Conta C6 que podem ser feitas a qualquer momento do dia;
  • Recebimento e envio de dólar ou euro de qualquer lugar do mundo.

A taxa de abertura é de apenas U$ 10 tanto para a C6 Conta Global Dólar quanto para a C6 Conta Global Euro, porém ela pode ser gratuita para:

  • Para quem investe a partir de R$ 20 mil em CDBs pelo app;
  • Para quem fizer câmbio de US$ 100 ou € 100 em até o último dia do mês subsequente à abertura da C6 Conta Global. O estorno da taxa de abertura de US$ 10 será creditado em até 15 dias após a transação.

Após a compra de euro para viajar, é preciso fazer a declaração do Imposto de Renda. Abaixo, leia o conteúdo que o C6 Bank preparou para auxiliar no preenchimento  

Como Declarar Moeda Estrangeira no Imposto de Renda 2024  

Agora você já sabe quanto custa viajar para Paris. Com uma média de valores que irá gastar em alimentação, hospedagem e transporte ficará muito mais fácil de se planejar. Não deixe de abrir a sua C6 Conta Global para ter ainda mais benefícios, conseguir economizar no câmbio e fazer compras descomplicadas na capital da França.

Leia também: Lugares para viajar sem visto? Conheça 98 países para explorar além do Brasil

Conheça a C6 Conta Global, nossa conta internacional em dólar e euro com menos tarifas, câmbio com cotação comercial, envios e recebimentos para todos os países e cartão de débito para viajar com tranquilidade.

Informações sobre os produtos e serviços do C6 Bank vigentes na data da postagem deste texto. As regras e condições de cada produto e/ou serviço podem ser posteriormente alteradas. Consulte os termos vigentes no momento da contratação pelo app.