Leitura de 11 min

Como juntar dinheiro para morar no exterior?

Separamos 10 dicas para ajudar você a juntar dinheiro para morar no exterior; leia no texto

Atualizado em

homem negro sorrindo segurando celular nas mãos enquanto pesquisa como juntar dinheiro para morar no exterior

Muitas pessoas já se perguntaram como juntar dinheiro para morar no exterior. Seja pelo desejo de viver em um país diferente, por sentir que o custo de vida no Brasil é muito alto ou por quaisquer outros motivos, essa é uma questão recorrente para muita gente. Felizmente, existem alguns passos que podem facilitar o processo de poupar para fazer essa mudança, como abrir uma conta internacional, por exemplo.

Ao longo desta matéria, traremos 10 dicas para quem deseja morar fora do Brasil conseguir juntar dinheiro para isso. Abordaremos os seguintes tópicos:

  • 10 dicas para morar fora do país
  • 1. Faça uma pesquisa e escolha o melhor destino
  • 2. Qual o custo de vida no país que deseja morar?
  • 3. Não faça nada correndo: quanto tempo você precisará para guardar o dinheiro?
  • 4. Planejamento financeiro
  • 5. Faça um corte de gastos desnecessários
  • 6. Abra uma conta internacional
  • 7. Acumule pontos para comprar passagens
  • 8. Faça renda extra
  • 9. Investimentos a médio e longo prazo
  • 10. Quite suas dívidas

Quer ler outros conteúdos sobre finanças pessoais? Confira alguns que separamos para você:

10 dicas para morar fora do país

Se mudar para o exterior não é um processo fácil. Envolve burocracia, planejamento, mudança de rotinas sociais e um grande cuidado para que a transição seja feita de forma financeiramente saudável. Pensando nisso, o C6 Bank separou 10 dicas para ajudar você a juntar dinheiro da melhor forma possível. Descubra a seguir:

1.      Faça uma pesquisa e escolha o melhor destino

“Morar fora do Brasil” é um desejo bastante vago. Na prática, você tem perto de 200 opções de países para escolher que cumprem esse requisito. A verdade, no entanto, é que muitos deles provavelmente atendem ao que você procura, haja vista as grandes diferenças entre os vários territórios ao redor do mundo.

Por isso, antes de pensar em questões burocráticas e financeiras, é importante pesquisar com cuidado o ponto mais básico: para onde você quer ir. Nessa pesquisa, entram todos os tipos de detalhes:

  • Clima do local;
  • Qualidade de vida (atividades de lazer, disponibilidade de bons serviços etc);
  • Dificuldade do idioma;
  • Como é o mercado para a sua área de especialização;
  • Segurança;
  • Presença de comunidade brasileira;
  • Familiaridade com a cultura local.

Há uma infinidade de outros fatores que podem ser levados em consideração, mas esses são alguns dos mais essenciais.Uma ótima sugestão para tirar essas e outras dúvidas é procurar grupos de estrangeiros que vivem no local cogitado.

2.      Qual o custo de vida no país que deseja morar?

Pode ser que, após a pesquisa sugerida no tópico anterior, você tenha decidido se mudar, por exemplo, para a Suíça. No ranking de cidades mais caras do mundo para se morar elaborado pela Mercer, centros urbanos do país europeu ocupam 4 das 5 primeiras posições.

Esse tipo de situação torna o processo de como juntar dinheiro para morar no exterior bem mais delicado – o que não é exclusividade da Suíça, também: países como Estados Unidos, China e outras nações europeias também marcam forte presença na lista.  

Por conta disso, você deve pesquisar bastante para entender quais serão os gastos necessários para que você consiga incialmente ao menos sobreviver no novo país que escolher por um determinado período. Isso inclui a quantia que será gasta com a mudança, custos como aluguel, alimentação, contas, impostos, passagens, retirada de visto e até questões como atividades de lazer.

Vale verificar, ainda, o salário mínimo e a média salarial do país para a atividade que você pretende desempenhar, a fim de entender como você precisará gerir suas finanças para que a nova vida caiba no orçamento.

3.      Não faça nada correndo: quanto tempo você precisará para guardar o dinheiro?

Depende. A resposta para essa questão consiste em dois outros fatores: quanto você precisará para se mudar e quanto você consegue guardar por mês.

De maneira geral, se você conseguir separar 30% de suas receitas até a mudança, já é uma boa quantia, e permitirá que você organize todo o processo com o cuidado necessário. A dica aqui é, principalmente, ter paciência e consistência.

Começar uma nova vida não é algo que acontecerá da noite para o dia, e é essencial que tudo seja feito da melhor forma para que você não acabe apenas perdendo qualidade de vida.

4.      Planejamento financeiro

Sabendo para onde quer ir, quanto precisa juntar e em quanto tempo, é hora de escolher estratégias para atingir esse objetivo, por meio de um planejamento financeiro.

O primeiro passo é anotar todas as suas atuais despesas e receitas. Embora o foco seja como juntar dinheiro para morar no exterior, você não pode acabar prejudicando as suas finanças no Brasil no processo. Por isso, ter noção de como está a sua situação aqui também é muito importante. Dessa forma, você consegue ter uma visão mais global do dinheiro que conseguirá separar para o objetivo de morar fora do Brasil.

O C6 Bank disponibiliza uma planilha completa para que você faça a sua listagem – e você pode até continuar usando depois que se mudar, a fim de manter o planejamento em dia. Veja abaixo:

planilha de custo de vida que você pode usar para auxiliar no seu planejamento financeiro de como juntar dinheiro para morar no exterior

5.      Corte gastos desnecessários

Uma das grandes vantagens de fazer essa listagem de gastos é precisamente o potencial de eliminar despesas que ela proporciona. Isso porque, vendo tudo com o que você gasta dinheiro, fica muito mais fácil entender o que é necessário e o que você pode cortar sem sofrer grandes perdas na qualidade de vida.

Essa é a hora de rever, por exemplo, a quantidade de serviços de streaming que você paga, o plano de TV, as saídas para comer fora, entre outros gastos que você pode evitar a fim de destinar mais recursos ao objetivo principal de juntar dinheiro para morar no exterior.

6.      Abra uma conta internacional

Abrir uma conta internacional é uma ótima forma de economizar dinheiro e se planejar. Isso porque, dessa forma, você consegue fazer a conversão de moeda aos poucos, além de poder guardar o dinheiro já na espécie do país no qual vai morar, podendo usá-lo assim que chegar.

A boa notícia é que, para isso, o C6 Bank conta com a Conta Global nas opções euro e dólar. Com ela, você consegue converter seus reais arcando com uma alíquota menor do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF), de apenas 1,10% – bem mais econômica que a de 6,38%, incidente sobre compras feitas com cartões no exterior.

Além disso, a conta internacional do C6 Bank também permite a manutenção de depósitos, além de possibilitar que você faça o câmbio sempre que precisar. Por fim, o usuário também conta com a disponibilidade de remessas 24h por dia, diretamente do app e sem burocracia.

Vale ressaltar: a conversão é feita pelo câmbio comercialmais barato do que o chamado câmbio turismo.

Para abrir a sua Conta Global, confira o passo a passo abaixo:

  1. Na home do nosso app, toque em “Todos” no menu de acesso rápido. Em seguida, selecione “Conta Global”;
  2. Na sequência, toque em “Contratar Conta Global”;
  3. Escolha se você quer abrir a conta em dólar ou euro e, depois, digite sua senha transacional (a mesma do cartão);
  4. Confirme o pagamento da taxa de abertura da conta (US$ 30, com isenção para clientes C6 Carbon ou com investimentos a partir de R$ 20 mil em CDBs do C6 Bank);
  5. Escolha o nome e a cor do seu cartão internacional (na Conta Global não recomendamos o uso de apelidos);
  6. Leia com atenção o contrato e os termos de uso e, ao fim, toque em “Continuar”.

7.      Acumule pontos para comprar passagens

Ao pensar em como juntar dinheiro para morar no exterior, as passagens estão entre os primeiros itens a serem levados em consideração. Felizmente, é possível pagar por elas de uma maneira alternativa: usando pontos Átomos. Para isso, siga as instruções a seguir:

  1. Na página inicial do app do C6 Bank, toque em “+Benefícios” na barra exibida na parte inferior da tela;
  2. Em “Benefícios”, selecione “C6 Travel”;
  3. Na sequência, você será redirecionado para a tela “Comprar passagens”. Basta inserir as informações referentes ao voo – origem, destino, datas, classe e número de passageiros – e, ao fim, tocar em “Procurar”;
  4. Por fim, você verá os melhores horários de voos nas datas que você escolheu, junto com o valor das passagens em pontos Átomos. Aí é só selecionar a melhor opção e seguir as instruções apresentadas.

Se você não tiver Átomos suficientes para fazer o pagamento integral das passagens, é possível complementar com seu saldo do cartão de crédito.

Os pontos Átomos não expiram, e podem ser adquiridos com o uso dos seus cartões do C6 Bank, independentemente da modalidade. Também é possível contratar planos aceleradores para amplificar ainda mais o seu ganho de pontos:

PlanoCartõesCondiçãoFunção CréditoFunção DébitoBônus
Grátis  StandardR$ 1 = 0,05 ptsR$ 1 = 0,03 pts
C6 Débito  StandardR$ 4/mêsR$ 1 = 0,05 ptsR$ 1 = 0,10 pts
C6 + Pontos  Standard e Platinum  R$ 8/mêsR$ 1 = 0,28 ptsR$ 1 = 0,10 pts
C6 + Bônus  Standard e Platinum  R$ 22/mêsR$ 1 = 0,28 ptsR$ 1 = 0,10 pts600 pts/mês
C6 Black  BlackUS$ 1 = até 2,5 pts
C6 Black Bônus 1.000  BlackR$ 45/mêsUS$ 1 = 2,0 pts1.000 pts/mês
C6 Black Bônus 5.000  BlackR$ 200/mêsUS$ 1 = 2,0 pts5.000 pts/mês
C6 Black Bônus 10.000  BlackR$ 350/mêsUS$ 1 = 2,0 pts10.000 pts/mês
C6 Carbon  Carbon BlackUS$ 1 = até 3,5 pts
C6 Carbon Bônus 1.000  Carbon BlackR$ 45/mêsUS$ 1 = até 3,5 pts1.000 pts/mês
C6 Carbon Bônus 5.000  Carbon BlackR$ 200/mêsUS$ 1 = até 3,5 pts5.000 pts/mês
C6 Carbon Bônus 10.000Carbon BlackR$ 350/mêsUS$ 1 = até 3,5 pts10.000 pts/mês

8.      Faça renda extra

Buscar formas alternativas de renda pode ajudar a complementar a quantidade que você guarda todos os meses, sem necessariamente deixar a sua rotina insustentável. Existem inúmeras formas de fazer isso, e você pode tirar um tempo para pensar em alguma que se encaixe com o seu perfil.

Passear com os cachorros dos vizinhos, dar aulas sobre um assunto que você domina, oferecer serviços de diversos, vender utensílios usados – a escolha é sua.

9.      Investimentos a médio e longo prazo

Juntar dinheiro pode ser um processo demorado. Por isso, investir é uma ótima uma forma de acelerar um pouco as coisas. 

Quando falamos de como juntar dinheiro para morar no exterior, deve-se ter em mente que é um projeto de médio a longo prazo. Por isso, uma boa sugestão é buscar ativos em que com liquidez mais baixa ou maior volatilidade. Existem diversos produtos com essa característica, que podem ser de renda fixa e renda variável.  

Um exemplo são CDBs de vencimento longo. Por aqui, temos alternativas desse título com vencimento de até sete anos. Para investir, basta acessar o C6 Invest, plataforma de investimentos que você encontra no nosso aplicativo. Entre no app, toque em “Todos”, depois em “C6 Invest” e, em “Self-service” escolha “Renda Fixa”.

Fundos multimercado também são uma sugestão, pois você será exposto a uma variedade de produtos de renda fixa e variável, tornando a carteira bem diversificada, com uma volatilidade moderada.

Para aplicar nesse tipo de fundo, você pode acessar nosso app e tocar em “Todos”. Em seguida, selecione “C6 Invest” e, em “Self-service”, escolha “Fundos”. Você também pode investir em fundos com o C6 TechInvest, que vamos abordar a seguir.

10. Quite suas dívidas

Antes de sair oficialmente do Brasil, é essencial que você quite todas as suas dívidas e deixe a sua situação financeira a mais limpa possível. Isso vale para qualquer tipo de pendência.

Resolver esse tipo de situação é bem mais difícil com você fora do país e, ao contrário do que muitas pessoas acreditam, as dívidas não caducam, além de ser possível que você receba cobranças, mesmo no exterior. Adicionalmente, não é bom para ninguém começar uma vida nova tendo questões não resolvidas no local do qual saiu.

Em todo caso, essa é a última dica que temos para este texto. Esperamos que você esteja mais confiante em relação a como juntar dinheiro para morar no exterior, e que consiga cumprir esse sonho usando as dicas que fornecemos.

Gostou desse conteúdo e quer ler outros parecidos? Aproveite para conferir também:

Ainda não está usando o C6 Bank? Baixe o app, abra sua conta digital, peça seu cartão sem anuidade (sujeito a análise) com a cor que quiser e aproveite um banco completo com tudo em um só app.

Informações sobre os produtos e serviços do C6 Bank vigentes na data da postagem deste texto. As regras e condições de cada produto e/ou serviço podem ser posteriormente alteradas. Consulte os termos vigentes no momento da contratação pelo app.