Leitura de 8 min

Como fazer o planejamento estratégico no começo do ano?

O planejamento estratégico é essencial para garantir o sucesso do seu negócio; veja as dicas do nosso head de educação, prof. Liao

Atualizado em

Mulher colocando no papel dados para o planejamento estratégico da empresa
O planejamento estratégico consiste em um processo para definir as metas do próximo ano

Você já pensou o que quer para sua empresa nesse ano que se inicia? Gostaria de aumentar as vendas? Contratar mais funcionários? Expandir o centro de distribuição? Para dar embasamento às suas respostas, o ideal é montar um planejamento estratégico no começo do ano.

Ele te ajudará na tomada de decisões, bem como na alocação de recursos nas áreas corretas, possibilitando um maior crescimento. Além disso, com o planejamento estratégico de uma empresa, você consegue organizar as ações e dividi-las de maneira mais adequada entre os meses do ano.

Pensando em ajudar a explicar o que é o planejamento estratégico de começo de ano e qual a melhor forma de fazê-lo, o C6 Bank preparou este texto. Nele, você encontrará as respostas para as seguintes perguntas:

  • O que é planejamento estratégico?
  • Quando fazer o planejamento de começo de ano?
  • Qual o objetivo do planejamento estratégico?
  • Qual a importância e benefícios do planejamento estratégico?
  • Como fazer um planejamento estratégico?
  • Faça um diagnóstico da situação do seu negócio
  • Avalie os resultados do último ano
  • Prepare-se para as sazonalidades
  • Faça um plano de faturamento mês a mês
  • Crie um plano de investimentos
  • Acompanhe o planejamento estratégico

Essa matéria faz parte do C6 Educa, que envolve uma série de conteúdos educacionais para empresas desenvolvido pelo C6 Bank, com dicas do professor Liao, head de educação do C6 Bank. Além dela, publicaremos vários outros textos sobre conceitos e práticas importantes para o seu negócio. Leia algumas delas que separamos para você:

O que é planejamento estratégico?

Quando você decide aumentar a produção de um determinado produto ou até mesmo promover um colaborador, há todo um planejamento por trás, certo? Você, provavelmente, contabiliza os valores envolvidos, além de projetar vários cenários possíveis, inclusive os que podem ocasionar prejuízo para a empresa. Essas decisões, projeções, contabilizações fazem parte do planejamento estratégico anual.

Ele consiste em um processo para definir as metas do próximo ano, contendo uma previsão de orçamento e até mesmo possíveis ações que envolvam os produtos/serviços. Ou seja, o planejamento estratégico empresarial define os caminhos que devem ser seguidos e os que precisam ser evitados.

Quando fazer o planejamento de começo de ano?

Em nossa vida pessoal, é comum tirarmos os últimos dias do ano para escrever nossas metas, numa busca por organizar a nossa vida para o período que está começando. E com a sua empresa deve ser exatamente assim.

O planejamento anual deve ser feito o mais cedo possível, ou seja, não deixe para os primeiros dias do ano.

Para o próximo ano, a dica é começar a fazer o planejamento próximo do mês de outubro. Dessa forma, você terá mais tempo para analisar tudo o que foi feito no seu negócio, conseguindo assim pensar com calma em soluções para corrigir erros e melhorar estruturas internas, com a finalidade de alcançar o crescimento desejado.

Qual o objetivo do planejamento estratégico?

O objetivo principal do planejamento estratégico de começo de ano é criar um direcionamento para a sua empresa, com todos os posicionamentos e iniciativas que devem ser cumpridas ao longo de 2023, para assim alcançar os números que você estabeleceu como meta.

O planejamento, portanto, nada mais é que um “espaço” para documentar informações fundamentais para os negócios, como as estratégias de vendas, missão, visão, valores e até mesmo as metas a serem cumpridas nos anos que ainda estão por vir.

Qual a importância e os benefícios do planejamento estratégico?

Há três fatores que reforçam a importância e os benefícios do planejamento estratégico de começo de ano. São eles:

  • Criar um senso de direção para toda a empresa: assim, fica mais fácil pensar em estratégias de vendas para serem implementadas ao longo dos meses, pois todos os funcionários terão em mente os objetivos e metas que precisam cumprir até o fim do ano;
  • Possibilidade de aumentar a produtividade: ao elaborar o planejamento do negócio, você fará uma análise do ano anterior . Dessa forma, conseguirá antecipar cenários desfavoráveis e assim tomar as devidas providências para evitá-los. Além disso, com um plano bem elaborado, todos os integrantes do negócio já sabem o que têm que fazer e em qual ritmo;
  • Facilitar o acompanhamento do progresso da empresa: tendo documentado as metas e objetivos que deseja atingir, fica mais fácil acompanhar o desenvolvimento. Sendo assim, você consegue até mesmo prever a cadência necessária de produção.

Como fazer um planejamento estratégico?

Não conseguiu fazer o planejamento estratégico no final do ano e precisa de uma ajuda? Reunimos aqui um passo a passo para você estruturá-lo, sem “dor de cabeça”. Veja a seguir:

Faça um diagnóstico da situação do seu negócio

Antes de começar a traçar metas para o ano novo, entenda qual a real situação da sua empresa. Seja extremamente transparente e considere todos os fatores que envolvem o seu negócio.

Para facilitar, vale colocar em uma planilha o levantamento financeiro do seu empreendimento, contendo o quanto você tem disponível em caixa, se há dívidas e qual os valores delas, se está envolvido em um financiamento e o quanto precisa desembolsar para encerrá-lo. Assim, você conseguirá entender a saúde financeira da sua empresa, garantindo que criará um planejamento estratégico realista e possível de cumprir.

Avalie os resultados do último ano

A melhor forma para criar um planejamento estratégico é avaliar os resultados do ano anterior. Somente assim você conseguirá entender em quais áreas são necessárias melhorias, quais foram os produtos mais vendidos e até mesmo quais estratégias de marketing funcionaram melhor para o seu negócio.

Portanto, através do planejamento você conseguirá minimizar os períodos de baixa e potencializar os períodos de melhores vendas, além de criar mais possibilidades, unindo o melhor dos “dois mundos”.

Prepare-se para as sazonalidades

O Carnaval começa cedo ou tarde em 2023? O que isso muda no seu planejamento? Os feriados grandes, com emendas, ajudam ou atrapalham? Estes são alguns pontos essenciais que você precisa pensar antecipadamente.

Com o planejamento estratégico, você conseguirá esquematizar com antecedência o marketing sazonal, voltado para delinear e promover ações especiais em datas comemorativas. Para facilitar, confira algumas dicas:

  • Planeje as ações de feriados com antecedência para assim ter mais tempo de criar a comunicação para as redes sociais e até mesmo para pensar em preços mais atraentes;
  • Escolha os feriados que têm alguma relação com a área do seu empreendimento. Lojas de chocolate possuem mais afinidade com a Páscoa, enquanto negócios de flores funcionam melhor no Dia dos Namorados;
  • Ofereça vantagens exclusivas para tentar fidelizar os clientes atraídos pelas estratégias de vendas nos feriados. Dentre algumas alternativas estão cupons, frete grátis e brindes exclusivos;
  • Crie uma identidade visual específica para os feriados e datas marcantes. E assim, com seu site e redes sociais desenvolvidos de acordo com temas específicos, poderá ficar mais fácil para o cliente encontrar o que procura;
  • Invista em gatilhos de urgência para chamar a atenção dos seguidores nos dias finais das promoções, como “último dia para aproveitar” ou “é agora ou nunca”;
  • Organize a logística para que você consiga entregar todos os produtos que foram adquiridos sem prejudicar os clientes ou criar algum tipo de desconforto com falsas expectativas.

Faça um plano de faturamento mês a mês

Quanto você deseja faturar em um mês? Se houver um número em mente, é o momento de colocá-lo no papel. Assim, você terá uma projeção do faturamento anual.

Além disso, somente com um plano de faturamento mês a mês é que você conseguirá entender quanto será preciso desembolsar para alcançar todas as metas. Lembre-se novamente de criar valores realistas, possíveis de atingir.

“De qualquer forma, lembre-se que ‘os planos são de pouca importância, mas o planejamento é essencial’ (autor desconhecido). O processo de planejamento é mais importante que os números. A reflexão e a análise importam mais que os resultados projetados”, ressalta o Prof. Liao.

Crie um plano de investimentos

É importante ter em mente a possibilidade de investir o dinheiro extra que entra no seu caixa. Dessa maneira, você deixará o valor rendendo pelo tempo que considerar necessário, favorecendo assim o seu patrimônio.

“Com raras exceções, o caixa da empresa precisa ficar em investimentos líquidos, para que possa ser resgatado a qualquer momento. Mas não invista na Poupança, pois além de render pouco, a caderneta de PJ só faz aniversário trimestralmente e ainda paga 22,5% de imposto de renda! Os produtos mais adequados são CDB com liquidez diária e fundos de renda fixa”, alerta Liao.

Acompanhe o planejamento

A melhor forma de garantir que as metas que você estabeleceu no planejamento estratégico sejam cumpridas é através do acompanhamento. Para isso, faça reuniões periódicas com os gestores das equipes para verificar os resultados.

“Se você trabalha sozinho, faça reuniões com a sua ‘euquipe’, ou seja, separe um tempo para refletir sobre os resultados e redefinir rotas”, sugere o professor.

Assim, através de um estudo em um curto espaço de tempo, será possível notar qualquer alteração nos resultados e, consequentemente, criar  estratégias para conseguir revertê-la.

Agora você já sabe tudo sobre planejamento estratégico. Além de entender sua importância e benefícios, pode aprender a elaborar um modelo do zero, pensando em alavancar os resultados do seu empreendimento, fazendo-o dentro de prazos estabelecidos. Lembre-se de seguir as nossas dicas e ir sempre acompanhando os passos do seu negócio.

Gostaria de ler outros conteúdos relacionadas às empresas? Descubra o que separamos para você:

Ainda não está usando o C6 Bank? Baixe o app, abra sua conta digital, peça seu cartão sem anuidade (sujeito a análise) com a cor que quiser e aproveite um banco completo com tudo em um só app.